Pular para o conteúdo principal

Governador participa da abertura da 10ª Conferência de Assistência Social do RN

O governador Robinson Faria prestigiou a 10ª Conferência de Assistência Social do RN, cuja abertura foi realizada na noite de hoje (8) no hotel Holiday In, em Lagoa Nova. O evento, promovido pelo Conselho Estadual de Assistência Social (Ceas) em parceria com o Governo do Estado, através da Secretaria de Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), acontece até amanhã (9).

"Estou orgulhoso de ser governador de um Estado que tem pessoas como vocês. Pretendemos erguer uma ponte de cidadania, uma ponte humana, e, através de vocês, vamos chegar às pessoas que mais precisam de nós", destacou Robinson Faria, dirigindo-se ao público da Conferência, formado por assistentes sociais, sociedade civil e beneficiados pelos serviços sociais. "E quero convocá-los para que façamos juntos este governo para os últimos. Vamos trabalhar para quem precisa. Muito obrigado", concluiu.

A secretaria de Assitência Social, Julianne Faria, ressaltou alguns avanços do setor no Rio Grande do Norte. Já no início da gestão, ressaltou ela, o Executivo promoveu o cofinanciamento estadual dos serviços de média complexidade, como previsto por lei desde 2009. O PPA já assegura R$ 1,2 milhão/ano para a ação.

Além disso, visitas de técnicos da Sethas garantiram o desbloqueio de 34 dos 35 municípios que estavam com recursos bloqueados por problemas nos censos do Sistema único de Assistência Social (SUAS) de 2013 e 2014.  "O orçamento do RN para a assistência social passou de 9,8 milhões em 2015 para 20,6 em 2016, um aumento de 110,2%. É aí que você vê que o governo está investindo no social", acrescentou a secretaria.

A conferência tem como tema “Consolidar o SUAS de vez rumo a 2026” e vai deliberar e avaliar a política de assistência social no contexto do pacto federativo e definir prioridades para a construção do Plano Decenal de Assistência Social do Estado e da União, reconhecendo a responsabilidade de cada ente federado, na perspectiva de um SUAS universal, público e republicano, bem como eleger os delegados para a Conferência Nacional que será realizada em Brasília, no período de 7 a 10 de dezembro de 2015.

A abertura da conferência contou ainda com a participação da representante do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS), Telma Maranho, do representante do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), Anderson Lopes Miranda, e de cerca de 200 gestores de todos os municípios do estado.